11 de setembro de 2009

Impedimento da Governadora nos jornais de hoje

Capa e agenda positiva, ou seja, é preciso anunciar, mas a principal voz é a do Governo Estadual:

Capa do tipo "desculpe, mas é preciso anunciar":

É preciso lupa para ler a manchete acima de O Sul.


Capa silêncio total e a comunidade popular que se exploda em matéria de informação:


Ontem, no evento Cidades Criativas, o funcionário do Grupo RBS Luiz Antônio Araújo afirmou, que os jornais atuais não estão mais ligados a partidos políticos. O que ele não disse, é que, se não possuem vínculo político partidário, é porque suas agendas são maiores, ou seja, é fazer política de direita, conforme os partidos e políticos que melhor se adequarem aos seus interesses econômicos daquele momento. Sofismar é a tônica dos funcionários de mídia corporativa.

Os jornais do centro do país, em suas páginas na Internet, no dia 10/09/09 sobre esse assunto: leia o FBI AQUI e o Mídia Mundo AQUI.

Um comentário:

Miguel Grazziotin disse...

nada de novo.
Este "Diário gaúcho" é uma vergonha. Embora eu suspeite que apenas reflita uma parte do "politizado povo gaúcho"