30 de agosto de 2010

Não se pode permitir que outro Pedro Simon se crie no Senado


Algumas das razões por que não se deve votar em Germano Rigotto [PMDB]

Para refrescar a memória das gaúchas e dos gaúchos, sempre tão desatentos à história e às coisas da política, citamos 3 fatos relativos à atuação deste político do PMDB, quando foi governador do RS.

Educação

Empréstimo bancário para o magistério poder receber o 13º salário.

Saúde

Rigotto, ao assumir em 2003, nomeia Osmar Terra para a Secretaria da Saúde. Desde então, o estado o RS deixa de investir o mínimo constitucional na área da saúde, como pode ser lido aqui, aqui e aqui, já que o mesmo secretário permanece no cargo no governo Yeda Crusius.

Segurança

A atuação de Rigotto na área de segurança não foi menos danosa para o estado. Foi ele quem nomeou, em 2003, para Secretaria da Segurança, José Otávio Germano [PP], que teve seu nome envolvido no rumoroso escândalo do Detran, cujo processo ainda tramita na Justiça de Santa Maria/RS, e que também foi alvo de duas CPI na Assembleia Legislativa do RS [aqui e aqui].

A sua administração foi pífia, sem crescimento econômico e penalizando a população via tarifaços. Além de tudo, sua chegada ao Governo do RS, deu-se através de uma manobra cretina, onde ele se apresentava como o "pacificador" [discurso que mantém até hoje], num momento em que o necessário debate se polarizava entre dois projetos políticos distintos, representados por Britto [PPS] e Tarso.[PT]. Rigotto, uma figura anódina, através desse artifício, buscou um distanciamento entre os dois candidatos, sendo ele próprio uma mera continuidade do brittismo! Tudo isso, logicamente, com apoio e blindagem da mídia corporativa, em especial, do Grupo RBS.

Atualizado às 23h43min.

11 comentários:

luciano.olf disse...

O pior é ter uma legítima representante da PIG!!!

Dialógico disse...

Por isso tem que votar no Paim e na Abgail!

Esse negócio de votar no Rigotto pra tirar a Ana Amélia do páreo, pode repetir o que aconteceu entre Rigotto e Yeda: ele acabou de fora do 2º turno!
Quem é simpatizante da Dilma e do Tarso não pode cometer esse equívoco, pois poderá sobrar para o Paim.

Abraço!

Anônimo disse...

Não entendi essa Luciano: pois o Rigotto tbém é um produto acabado do PIG!!!
Quem sustenta o papinho do pacificador???

Eugênio

Miguel Graziottin disse...

Todo cidadao de esquerda nao pode pensar em votar em qualquer candidato da direita. Eles jamias o fariam.....Nem Ana Amelia, nem Rigotto.

Omar disse...

Mesmo em termos aritméticos, desviar votos da Abgail para o Rigotto não faz o menor sentido. Somente fortalece Rigotto, enquanto a Lemos fica intacta. Assim: PAIM & AGBAIL.

FRANCO ATIRADOR disse...

.
Na eleição para o senado no RS, tenho observado que está ocorrendo, com grande frequência, o seguinte:

A Robotox da RBS, candidata da agronegociata, está sendo a 2ª opção dos eleitores, qualquer que seja a 1ª opção deles.

Se não houver providências urgentes, vai acontecer o mesmo que aconteceu com a Emília, quando ela concorreu pelo PTB.

É capaz até de obter mais votos que o Rigotto.

Concordo que devemos batalhar pela Abgail (651), mas se o eleitor não quiser votar nela, não tem outro jeito:

É Paim (131) e outro qualquer ou branco ou nulo, menos a Robotox da RBS.

Pô, já tá lá o Pedro Simão Bacamarte, agora vão botá o Risgotto Chorão e a Robotox.

Aí, é reaça demais pra um estado só!!!

Anônimo disse...

Está na hora de "aposentar" o Paulo Paim. Como "aposentado", sentindo na pele toda a ruindade e mediocridade do (des)governo Lulla, futuramente, com conhecimento de causa, ele poderá se candidatar novamente e aí sim, talvez, venha a defender de fato os reais interesses daqueles que trabalharam uma vida inteira para terem seu direito a uma aposentadoria digna virar puro estelionato praticado por uma quadrilha partidária de sindicali$ta$ para$ita$.

Celeste disse...

Leiam no Sul 21 o escândalo da CEEE, jamais investigado ou comentado pela mídia vendida do RS. O "pacificador " usando a mãe de laranja exige a quebra de um pequeno jornal por ter ousado investigar o desvio de milhões da CEEE perpetrado pelo seu irmão( Lindomar Rigoto) indicado pelo "pacificador" para cargo na CEEE. Aliás, de morte oportuna após se envolver no assassinato de garota de programa...Tutti buona gente

Dialógico disse...

Ao Anônimo babaca das 11h40min do dia 1º/9, que não teve coragem de assinar o comentário. Essa é a tua resposta:

– Isso ficou muito ruim pra mim, Luiz Cláudio, pois o Observatório é um formador de opinião, muito lido e respeitado. Ficou parecendo que eu estou querendo fechar um jornal. Eu não tenho nada a ver com isso. O processo é coisa da minha mãe. Foi a minha irmã, Dulce, que me disse que a reportagem era muito pesada, irresponsável. Eu nem conheço este jornal, este jornalista...
– Rigotto, a dona Julieta não é candidata a nada. O candidato és tu. A reportagem do JÁ tem implicações políticas que batem em ti, não na tua mãe. E acho muito estranho que, passados oito anos, tu ainda não tiveste a curiosidade de ler a reportagem que tanta aflição provoca na dona Julieta. Se tu estás te baseando na avaliação da Dulce, devo te alertar que ela não entende xongas de jornalismo, Rigotto! Esta matéria do Bones é precisa, calcada em fatos, relatórios, documentos e conclusões da CPI e do Ministério Público que incriminam o teu irmão. Não tem opinião, só informação. O teu processo...
– Não é meu, não é meu... É da minha mãe...
– Isso é o que diz também o Sarney, Rigotto, quando perguntam a ele sobre a censura que cala O Estado de S.Paulo. "Isso é coisa do meu filho, o Fernando"...
– Eu fico muito ofendido com esta comparação! Eu não sou o Sarney, não sou!...
– Lamento, mas estás usando a mesma desculpa do Sarney, Rigotto.
– Luiz Cláudio, como resolver isso tudo com o Bones? A gente pode parcelar a dívida e aí...
– Rigotto, tu não estás entendendo nada. O Bones não quer parcelar, não quer pagar um único centavo. Isso seria uma confissão de culpa, e ele não fez nada errado. Pelo contrário. Produziu uma reportagem impecável, que ganhou os maiores prêmios. Eu assinaria essa matéria, com o maior orgulho. Sai dessa, Rigotto!


Mais, se tens provas do que afirmaste sobre a morte do ancião indignado, vai até a Polícia Federal e denuncia! Porque, neste governo Lula, a PF investiga e não varre pra baixo do tapete, como faziam nos governos que, tudo indica, apoias. Só cuida, que lá, terás que dar teu nome.

Dialógico disse...

Anônimo das 7h55, até se poderia pensar na substituição do Paim, quem sabe, mas não pelo Rigotto e pela Ana Amélia! Jura pra nós, que eles irão defender interesse da aposentados e trabalhadores???
Muito ingenuidade, pessoa.

blog O DILÚVIO disse...

que esse Rigotto não vale nada, não há dúvidas. mas o Paim... esse canalha abria boca contra o Sarney, e na hora h mudou de lado. Anula Brasil! pra senador, vote 171