28 de dezembro de 2008

Quadro eleitoral para 2010

Do blog Paidéia Gaúcha:
[...] a variável preferência partidária irá (e digo irá, porque irá mesmo, porque sempre foi assim) atuar perto da eleição. Antes disso, não há o chamado do partido, antes disso uma parte dos eleitores com alinhamento (aqueles embora tenham simpatias não são filiados) enxergam somente candidatos: "gestores" ou "radicais livres" de centro, direita ou esquerda e nenhuma agenda. Senhores e senhoras, olhem o quadro de simpatias partidárias e façam suas apostas...
Leitura completa AQUI.

3 comentários:

Anônimo disse...

A cachaça é tão aclamada nacionalmente, que até bebados o povo-feliz deçepais elege e reelege.

Rodrigo Cardia disse...

O PT, há muito tempo, é mais "partido" do que os outros: muita gente vota em seus candidatos por causa do partido, e não por causa da pessoa.
Mas, pelo que tem se visto ultimamente (pelo menos aqui no RS), dos que não tem preferência pelo PT, pelo menos uns 40% são "anti-PT". Aí votam em qualquer um contra o PT, e assim temos uma Yeda no governo do Estado... E o pior é que tenho amigos que são assim, são tão burros que seriam capazes de votarem em uma reencarnação de Hitler contra o PT.

Abraços!

Dialógico disse...

Na casa da gente, entraM apenas nossos convidados. A ultra-direita, aquela que joga pedra tendo telhado de vidro, NÃO É BEM-VINDA. Para estas pessoas que se escondem no anonimato, a Internet é um sem fim de possibilidades para navegar e deixar comentários [anônimos].

AQUI, NÃO!

Uma coisa é conviver com a diferença ideológica de quem tem argumentação. Outra coisa, é aturar gente SEM ARGUMENTOS, que só tem capacidade - por falta de inteligência - para a desqualificação. Aqui, gente dessa laia não tem espaço.